Fórum de Sociologia
Seja bem-vindo ao nosso fórum!!!!
Caso ja tenha registrado clique em Login, caso contrario Registre-se!!!

Direitos Humanos versus Guerra

Página 1 de 3 1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

06042009

Mensagem 

Direitos Humanos versus Guerra




Caros debatedores,
Como sempre estou satisfeita com as opniôes! alien
Não me colo como muitos nos paredões a favor ou contra a pena de morte, historicamente há países a favor da pena de morte que não eliminaram a violência ( percebendo a violência em toda sua amplitude)
Mas vamos ao que interessa...
O tema do debate que esta sendo proposto neste instante refere-se aos Direitos Humanos nas Guerras .
Conflitos civis em alguns países da África, Gaza ....
Como os soldados lidam com seus inimigos?
O que alguns grupos querem provar ?
Pobreza, Riqueza que diferença faz se tenhoos todos direitos desmantelados?
Procurem saber sobre os direitos humanos nesses países!
Ótimo debate e avaliação a todos! sunny

Tracy Christine
Moderador
Moderador

Feminino Número de Mensagens : 9
Idade : 44
Pontos : 18

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

- Tópicos similares
Compartilhar este artigo em: BookmarksDiggRedditDel.icio.usGoogleLiveSlashdotNetscapeTechnoratiStumbleUponNewsvineFurlYahoo!Smarking

Direitos Humanos versus Guerra :: Comentários

avatar

Mensagem em 2009-04-06, 7:46 pm  Luis. G. Odara

Acredito que parte esses conflitos se devem a diferenças culturais que não foram capazes de entrarem em acordos. Pois acreditam que ambos as costumes e modos de vida não conseguiram coexistir tão proximas umas das outras.
E, nestas situações, a vontade da vitoria faz com que muitas pessoas abram mão dos Direitos Humanos que os protegem, para poderem retirar tambem a de seus inimigos, como o direito a vida.

Voltar ao Topo Ir em baixo

avatar

Mensagem em 2009-04-06, 11:10 pm  Felipe de Oliveira

Esses conflitos ocorrem por diversos motivos como por exemplo guerras tribais, diversidade etnica, religiosos, problema de território, entre outros.
Esses motivos fazem com que ocorram guerras civis, que por ser uma guerra, não respeita os Direitos Humanos, ai não importa se a pessoa é rica ou se é pobre, "nenhum" direito será respeitado .

Voltar ao Topo Ir em baixo

avatar

Mensagem em 2009-04-06, 11:27 pm  Felipe de Oliveira

Artigo III - Toda pessoa tem direito à vida, à liberdade e à segurança pessoal. "Essas pessoas que estão vivendo esses conflitos não uma segurança"

Artigo XVI
1. Os homens e mulheres de maior idade, sem qualquer retrição de raça, nacionalidade ou religião, têm o direito de contrair
matrimônio e fundar uma família. Gozam de iguais direitos em relação ao casamento, sua duração e sua dissolução. "Muitos dos conflitos são religiosos"

Artigo XXV 1. Toda pessoa tem direito a um padrão de vida capaz de assegurar a si e a sua família saúde e bem estar, inclusive alimentação, vestuário, habitação, cuidados médicos e os serviços sociais indispensáveis, e direito à segurança em caso de desemprego, doença, invalidez, viuvez, velhice ou outros casos de perda dos meios de subsistência fora de seu controle. "Com os conflitos as pessoas não têm praticamente nada disso"

Declaração Universal dos Direitos Humanos:
http://www.mj.gov.br/sedh/ct/legis_intern/ddh_bib_inter_universal.htm

Voltar ao Topo Ir em baixo

avatar

Mensagem em 2009-04-07, 2:09 am  Lucas Quintiliano

Tudo bem que sou a favor da pena de morte e tals, mais o que leva a um ser humano matar o outro sem saber quem é, o que esta fazendo ali e ate mesmo sem ter a noçao que esta tirando a vida de alguem e de muitas pessoas, familiares, amigos e ate mesmo companheiros de guerra ?!
Mais nao os culpo, culpo sim aos grandes das guerras, aqueles poderoso governantes que por GRANDE MAIORIA das vezes acabam guerrilhando com paises vizinhos por AMBIÇAO.
Essa AMBIÇAO infelizmente é o que o ser humano do dia de hoje mais tem no coraçao, infelizmente, e pra eliminar consequencias como guerras e batalhas, primeiro temos que colocar na cabeça, na nossa cabeça, o que sao valores e direitos humanos e o principal deles : O DIREITO DA VIDA ! Wink

Voltar ao Topo Ir em baixo

avatar

Mensagem em 2009-04-07, 2:24 am  Débora Mini

Mas creio que essas guerras na África,em sua maioria, se deve às divergências culturais dos povos,que por descaso político são obrigados a dividir uma mesma região geográfica.Assim, devido a crenças e valores diferentes essas tribos disputam pela região...não acredito que essa guerras aconteçam por mera ambição, e sim por divergências de valores...que acabam causando danos ao país,pois os custos da guerra poderiam ser atribuídos para a melhoria desse país. Esses custos acabam causando a pobreza nos lugares em que acontece...impossibilitando o direito de todo ser humano à uma vida digna,com um bom sistema educacional, atendimento médico,...etc...

"Na Somália, oito clãs disputam o poder numa guerra civil que dilacerou completamente o país. Na Libéria, a guerra interna matou mais de 150 mil pessoas e produziu cerca de 700 mil refugiados. "

Outro exemplo de descaso com os direitos humanos....dando um fim a vida de muitas pessoas...

Voltar ao Topo Ir em baixo

avatar

Mensagem em 2009-04-07, 9:30 am  Patrícia Fibonacci

BOm... a Débora e o Odara ja explicaram tudo...

Realmente essas guerras ocorrem por disputas de territorios,religiao,crencas em fim,Gastam todos os recursos do local deixando a populacao mais pobre do que ja costuma ser...
é impossivel falar de direitos humanos em guerras,pois ao matar,roubar e tals a pessoa ja esta desrespeitando o que chamamos de direitos humanos.Imaginem uma familia 3 pessoas por exemplo,o pai e o filho sao obrigados a entrar em uma guerra da qual é contra...luta...morree...e akela mulher??sem familia...como pod exercer seus direitos??Ganha um indenisacao minima e prontooo???? Question

Voltar ao Topo Ir em baixo

avatar

Mensagem em 2009-04-07, 7:04 pm  Thatá Bastos

"Meninos-soldados
Sem crianças, não se fazem guerras. São elas que limpam campos minados, entregam mensagens sob fogo, prestam favores sexuais. Se você estava preocupado com a violência dos videogames, bem, a realidade é muito pior."



"Na estimativa da ong britânica Human Rights Watch, algo entre 200 mil e 300 mil crianças participam atualmente de guerras em 21 países em todo o mundo. Estão concentradas na África, onde lutam mais de 100 mil crianças, mas escapam a qualquer estereótipo."

Independente do motivo de um conflito,nada justifica tamanha violação dos Direitos Humanos.Uma criança não deveria ser USADA para fazer algo tão maléfico.Ainda nessa reportagem foi citado a facilidade que é recrutar uma criança para a guerra-acontecem conflitos em pequenas aldeias,crianças se perdem dos pais e não tem outra saída-.

Outro trecho:

"Foi a primeira vez que uma corte internacional condenou alguém pelo crime de recrutamento infantil. As penas, ainda não anunciadas, devem ser de prisão perpétua. Os julgamentos de Lubanga - que está para começar - e de Charles Taylor, ex-ditador da Libéria, são outros indícios de que há uma mudança de postura."

Depois de TANTO tempo sendo usadas nas guerras,pela PRIMEIRA vez alguém foi condenado pelo recrutamento infantil.O governo tem o dever de assegurar nossos direitos,são eles quem deveriam conhecê-los de todo e qualquer ângulo,mas mesmo conhecendo não os deixam exercer.De que adianta então?Os Direitos Humanos estão todos lá,no papel,mas a quem cabe tirá-los de lá para uma dimensão muuito maior,nao o fazem.E o que podem fazer esses guerrilhos?Mais uma guerra para protestar contra a própria guerra?Seria um ciclo vicioso,jamais solucionado.

Voltar ao Topo Ir em baixo

avatar

Mensagem em 2009-04-07, 9:45 pm  Breno Luiz

concordo com a Thatá... De que adianta haver um documento no qual se fala que todas as pessoas tem direitos sendo que eles não são exercidos... E as pessoas que tentam reivindicar seu direitos atraves da guerra estão fazendo algo parcialmente errado, pois é certo que devemos exigir o direito que temos mas não atraves da guerra pois se não entraremos em um ciclo vicioso como a Thatá disse...

Voltar ao Topo Ir em baixo

avatar

Mensagem em 2009-04-07, 11:29 pm  JehH

Muito boa colocação,Odara!

Bom..Dando sequencia...Eu penso da seguinte forma: Vamos fazer uma espécie de "esquema"...É necessário que haja discussão,violência,brigas,enfim,quando nossos direitos são respeitados? Eu respondo...NÃO,não é necessário...Pelo simples fato de que nós,seres humanos,para vivermos em uma sociedade mais harmoniosa só estamos esperando que alguém respeite nossos gostos e opniões. Como eu havia mencionado no debate anterior,as pessoas possuem muitas idéias,e a maioria delas, são muito boas,sim...Porém,o simples fato de não sabermos utilizar bem na prática essas idéias,elas acabam por "fugir" do seu real objetivo. Todos sabemos,que por sermos pessoas,de carne,osso e espírito,temos opniões que nem sempre vão combinar com a do "próximo" e por esse motivo,nunca conseguiremos chegar em comum acordo,e isso é ótimo,pois demonstra o quanto somos diferentes uns dos outros!
O problema de tudo,é que as guerras são geradas,a partir do momento em que estas "diferenças" não são respeitadas...
Quando o próprio direito humano é violado,exemplo disso,temos a fome,a miséria,a desigualdade social...Que acabam por causar uma fúria tremenda nas pessoas afetadas que optam pelas guerras,que nada mais é do que a conquista de um direito,agora,cabe a nós e a eles entenderem se são direitos merecidos ou não!

Voltar ao Topo Ir em baixo

avatar

Mensagem em 2009-04-08, 12:51 am  Paula

As guerras com certeza surgem de diferenças etnicas , religiosas e culturais, ou pela ambição do homem. Concordo plenamente com oq o Lucas disse a respeito dos grandes ''donos'' das guerras, e sobre a inclusão de crianças nesse horror .
Tudo movido pelo lucro, a busca insaciavel pelo poder ...
Ou pela cultura de cada um , que simplesmente nao aceita a cultura do outro né

Ah , uma curiosidade que eu vii , e achei q tem tudo a ver com aqui ...

Arrow A pena de morte no Brasil é proibida , salvo em periodos de guerra

Voltar ao Topo Ir em baixo

avatar

Mensagem em 2009-04-08, 10:33 pm  Gυιℓнεямε ҉

Concordo plenamente quando dizem que essas "guerras" são feitas por motivos étinicos, religiosos e talz... mas por dividirem um mesmo território e possuirem culturas e crenças diferentes não quer dizer que podem sair por aí e começar a atacar inocentes. No meu concentimento essas batalhas tem maior incidência não por pensamentos distintos, mas porque cada "lado do tabuleiro" quer mostrar ao resto do povo que seu modo de vida é o mais forte e o que prevalecerá (um exemplo claro é dos Xiitas com os Sunitas no Iraque). Tais objetivos discordam por inteiro dos direitos humanos, pois de acordo com este, todo ser humano tem direito de ir e vir, pensar, falar, estudar, em fim , viver da maneira que quiser desde que se enquadre nas normas sociais, nunca invadindo o espaço do próximo, assim, para que exista "paz" nesses países é necessário um acordo entre ambos os lados, o qual favorecerá todos igualmente.

Voltar ao Topo Ir em baixo

avatar

Mensagem em 2009-04-08, 10:48 pm  Cristiane Silveira

Talvez nós brasileiros não tenhamos noção do que é a guerra. Falamos sobre o que lemos, o que vemos pela TV e pelo o que imaginamos. Por isso tenho certeza que toda a indignação que manifestarmos nesse site não chegará nem perto de quão grande dor uma guerra causa.

E cada morte na guerra é tão insignificante para o mundo, para o governo, para a mídia, para nós! Mortes que para uma família é o fim do mundo, no jornal vai ser só mais um número: 4.000 soldados morreram no Iraque...é mais fácil falar em números e não em nomes...

E esse é o maior problema das guerras: a banalização da morte. O ser humano tem uma capacidade incrível de adaptação a qualquer situação, e isso faz com que comecemos a achar as mais absurdas situações como normais.

Quer um exemplo? Todo mundo se chocou ao ver as cenas do resgate de um bebê amarrado em uma sacola, , e jogado na Pampulha. Mas se isso acontecesse de novo, sentiríamos a mesma indignação???



1° - a sociedade se escandaliza

2° - a sociedade se acostuma

3°- a sociedade já não faz nada para mudar a realidade



E além de mortes e da banalização de tais, o que me indigna é a falta de motivo das guerras. Soldados vão para a frente de batalha por motivos que nem conhecem, por interesses de poderosos.



E uma reflexão final:

JÁ HOUVE UM HOLOCAUSTO, UMA BOMBA ATÔMICA, GUERRAS MUNDIAIS, GUERRAS CIVIS, RELIGIOSAS, VIMOS DOIS PRÉDIOS SE DESMANCHAREM COMO SE FOSSEM DE AREIA...E NOS PERGUNTAMOS: SOMOS MESMO TÃO RACIONAIS??????????????

Voltar ao Topo Ir em baixo

avatar

Mensagem em 2009-04-09, 12:02 am  wedsney

na guerra direitos humanos uma ova, o cara vai senta a bomba na sua cabeça e os cara vai caça se defender com direitos humanos, na guerra e uma selva sobrevive o mais fortee, ow o mais esperto e bem equipado, as péssoas na guerra tao mais preoculpada com sua propria vida que nao tao nem ae pra direitos humanos naquele momento.

Voltar ao Topo Ir em baixo

avatar

Mensagem em 2009-04-09, 12:25 am  Paula

Cristiane falou tudoooo

É sempre assim, ficamos indignado com um caso de violencia mas somente até esquecermos, e nada fazemos pra evitar que novos casos ocorram e nem mudar a realidade chocante que vivemos.

Voltar ao Topo Ir em baixo

avatar

Mensagem em 2009-04-09, 1:39 pm  Luis. G. Odara

A Cristiane esta certa. Mas não acho que seja apenas comodismo, mas um pouco de hipocrizia tambem.
A todo momento se fazem de revoltados e de vitimas, mas a verdade é que sequer se interesam realmente pelos problemas que veem, tanto que, pasando alguns meses, ou ate semanas sequer lembram deles.
Na guerra do Iraque nos pusemos contra o masacre que o Estados Unidos estavam fazendo, mas quem foi corajoso o bastante ou se comoveu o bastante para tentar paralos? Muitos paises do conselho de segurança da ONU foram contra, mas o que eles fizeram quando os USA ignorou o julgamento deles? Nada. Por que, para eles não valheria a pena ir contra uma grande potencia por causa de algumas vitimas no Iraque.
Os unicos que podem acabar com os conflitos são aqueles que estam
lutando. E tudo que podemos fazer, infelizmente, é discutir, enquanto
milhares de pessoas morrem.

Voltar ao Topo Ir em baixo

avatar

Mensagem em 2009-04-09, 2:15 pm  Thatá Bastos

Realmente,o maior problema do ser humano é não saber aceitar as diferenças,conviver com o outro.As pessoas sempre se acham muito melhores que as outras e,por isso,sempre têm razão e dessa forma é que justificam seus próprios erros. Mas NÃO HÁ JUSTIFICATIVA para matar alguém. É cada vez mais o tempo do antropocentrismo.O homem NÃO é o centro do universo.As pessoas dão importancia demais à elas mesmas,e mal sabem elas que são só mais um,entre tantos.

E na minha opnião,respondendo à pergunta da cristiane:Generalizando,o homem já não é um animal racional e vem regredindo cada dia mais.

Mas não concordo com ela quando diz "a sociedade"[generalizada] se acostuma com os acontecimentos escandalizantes.Eu pelo menos(e sei que muita gente também)fico muito chocada toda vez que fico sabendo que uma mãe desprezou um filho,ou que 32536537 pessoas morreram num unico dia,ou quando vejo um mendigo na rua...mas o que eu posso fazer?Ir atrás de cada mulher que joga um filho na rua e chingar elas?ou pegar cada filho rejeitado pra criar?ou ir atrás de um mandante de guerra e gritar na cara dele pra ele parar porque tem gente morrendo?ou pegar cada mendigo da rua e levar pra casa pra sustentar com um dinheiro que eu não tenho? Eu,nem nenhuma outra pessoa humana comum,tem voz nesse mundo.nem separados,nem juntos,ninguém tem conseguido parar com a irracionalidade do homem!

Voltar ao Topo Ir em baixo

avatar

Mensagem em 2009-04-09, 2:28 pm  Thatá Bastos

Mas em relação às guerras entre tribos africanas eu não posso falar nada pois EU não conheço um pingo da cultura deles.Se alguém passou a vida inteira escutando que deve matar quem o atrapalhar,quem sou eu pra entrar no caminho dele!:p Se ambas as tribos em guerra concordam que deve prevalecer em determinado território a tribo que vencer uma guerra,NÓS é que estaríamos desrespeitando a cultura deles.O problema são as guerras provocadas pelo governo,as quais eles nem escolha tem,ou as provocadas pela falta de governo do próprio governo.

http://oglobo.globo.com/opiniao/mat/2008/01/20/africa_quase_uma_guerra_por_ano-328113097.asp

Deem uma olhada nessa reportagem(não deu pra copiar os trechos que eu queria destacar por causa dos direitos autorais do site).
Os Direitos Humanos das populações da àfrica em tempos de paz já são beeeeem escassos,em tempo de guerra então?Mas que escolha eles tem?Nenhum governo entende as reivindicações de um povo enquanto não se chega ao extremo.

Voltar ao Topo Ir em baixo

avatar

Mensagem em 2009-04-09, 4:04 pm  Raquel Ferraz

O pior, Thatá, é que em muitos casos, mesmo quando se chega ao extremo, o governo não consegue entender as necessidades de seu povo. Até porque quando ocorre uma guerra, creio que o governo não vá ter como objetivo maior defender os direitos de seu povo, ele vai querer mesmo é vencer a guerra. Vai querer se defender e sair vitorioso, não importa o que o povo vai ter que passar para que isso aconteça. Talvez eles vejam o povo como soldados também, ignorando que ali existem vidas inocentes, com tanto direito quanto qualquer um que está no poder, ou pelo menos deviam ter.

Voltar ao Topo Ir em baixo

avatar

Mensagem em 2009-04-09, 4:44 pm  Luciana Maria

Como varias pessoas ja comentaram, GUERRA CIVIL viola os direitos humanos, como a deprecividade da verdadeira situação de mulheres, crianças, alimentação, saúde, educação, violência e pobreza na Faixa de Gaza resultante da incursão (invasão) militar e do bloqueio israelenses no território palestino.

Internamente nos conflitos civis na Africa e outros diversos países existem a lei da sobrevivencia,mas por diversos motivos como religião,cultura,buscas de terras inicia uma luta.

Acredito que nós brasileiros somos facilmente levados pela midia, não conhecendo nem um terço da realidade das guerras civis de países externos, mas não podemos esquecer que o Brasil vive uma constante guerra. Guerra diferente, não é civil, mas atinge toda a população, um conflito do TRÁFICO, que leva milhares de pessoas principalmente jovens a morte.

Voltar ao Topo Ir em baixo

avatar

Mensagem em 2009-04-10, 2:39 pm  Matheus Sousa

Felipe de Oliveira escreveu:Esses conflitos ocorrem por diversos motivos como por exemplo guerras tribais, diversidade etnica, religiosos, problema de território, entre outros.Esses motivos fazem com que ocorram guerras civis, que por ser uma guerra, não respeita os Direitos Humanos, ai não importa se a pessoa é rica ou se é pobre, "nenhum" direito será respeitado .


A guerre é na minha opinião uma conseguência do desrespeito com os direitos humanos.Como nesses paises as guerras acontecem por varios motivos como disse o Felipe, diversidade etnica, religiosos, entre outros, não há respeito algum com o direitos humanos, pois não há leis, quem manda é o mais forte , o mais rico.só isso, valeu! drunken

Voltar ao Topo Ir em baixo

avatar

Mensagem em 2009-04-10, 8:32 pm  Thatá Bastos


Também acho isso,Raquel.As pessoas já não tem mais opção,ou morrem na guerra lutando pelos seus direitos,ou morrem pela falta deles,sem nunca ter tentado mudar sua situação.
Que no Brasil também há "guerras" o tempo todo ninguém pode negar,mas são pouquíssimos brasileiros que tem uma situação semelhante a da grande massa africana!Uma guerra como o "trafico de drogas" por exemplo,acontece por livre espontânea vontade dos "guerrilhos",mas ninguém passa fome por que quer.
Gente,todo mundo está pensando somente nas guerras entre tribos,essas são as menos piores,a África atual já não é tãão assim.
"...Estão intimamente ligados ao passado de exploração e violência imposto durante séculos pelas nações européias.

Porém,a exploração e violência hoje,são impostos por qualquer governante da maioria dos países africanos(dependentes ou independentes).

Voltar ao Topo Ir em baixo

avatar

Mensagem em 2009-04-11, 7:18 pm  Ana Claudia

A Lu disse bem, o Brasil vive em uma contante guerra, é claro que nao é a mesma coisa que uma guerra civil, os danos que uma guerra civil causa sao muito mais devastadores.E como ja foi colocado anteriormente, falar de direitos humanos em meio a uma guerra civil nao tem como pois a guerra poda todos os direitos do cidadao , principalmente o direito de ir e vir , o geverno ja nao tem mais condiçoes de dar proteçao aos cidadaos, sem falar que a guerra leva a escassez de agua de alimento, o numero de desabrigados aumenta muito, é um flagelo total.

Voltar ao Topo Ir em baixo

avatar

Mensagem em 2009-04-11, 9:20 pm  Juliana

As pessoas já não tem mais opção,ou morrem na guerra lutando pelos seus direitos,ou morrem pela falta deles,sem nunca ter tentado mudar sua situação.

Concordo plenamente quando a Thatá diz isso ;
E como já foi dito, nós brasileiros não conhecemos nem um terço do que são essas Guerras. Não sabemos o quanto os Direitos Humanos são violados, o quanto a condição é precária. E tudo isso, vem do tal antigo desrespeito aos nossos Direitos .

Voltar ao Topo Ir em baixo

avatar

Mensagem em 2009-04-12, 9:11 pm  Rafaela :)

Hoje a humanidade parece decidida a ter guerra. Os estratégicos não estão nem ligando para os princípios morais, só pensam em atingir seus objetivos, combater seus inimigos, e os indefesos, no caso as pessoas que não tem nada a ver com tudo, acabam ‘pagando o pato ‘. É por isso que os conflitos de hoje provocam muitos desastres, e todos sabem que não existe catástrofes como essas que não violem os direitos humanos. Very Happy

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem   Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 3 1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum